As consoladoras mensagens cotidianas

              Por mais que estudemos e pesquisemos, buscando decifrar os mistérios da vida e vislumbrar os desígnios do Criador, na verdade, somos guiados por poucas mensagens que costumamos colocar sob o vidro de nossa escrivaninha ou dependuramos à frente de nossa mesa de trabalho. Elas são sempre lidas e relidas e possuem uma força secreta de nos tirar da opacidade natural do dia-a-dia. Outras vezes, são fotografias de entes queridos, de pais, de filhos e filhas que amamos e que nos aliviam no trabalho geralmente fastidiante e até penoso.

 

         Assim vi há dias na mesa do director de um banco uma frase que tirou da Imitação de Cristo, um livro que há mais de 800 anos ilumina tantas pessoas:”Ó Luz eterna, superior a toda luz criada, lançai do alto um raio que penetre o íntimo de meu coração. Purificai, alegrai, iluminai e vivificai o meu espírito com todas as suas potências para que a Vós se una em transportes de pura alegria”. Disse-me que, durante o dia, reza com frequência esta oração, entre negociações,  cálculos de taxas e de porcentagens de juros nos empréstimos.

 

         Eu, de minha parte, possuo dependuradas à frente de minha escrivaninha, onde passo muitas horas pesquisando e escrevendo, vários cartões com mensagens que nunca deixam de me consolar e inspirar.

 

Em primeiro lugar, uma imagem, tirada da famosa Sagrada Face de Jesus, mas retrabalhada com traços fortes.  O rosto é desfigurado, com sangue escorrendo pela testa e os cabelos desgrenhados pela tortura. Os olhos são profundos, cheios de enternecimento e com uma força tal que nos obriga a desviar o olhar. Parece que nos penetra na alma e nos faz sentir todos os padecimentos da humandiade sofredora na qual Ele está encarnado e sofrendo conosco, como diria Pascal, até o fim do mundo.

 

         Ao lado, uma foto de uma irmã querida, segurando ao colo, num gesto da Magna Mater, o filhinho pequeno, irmã arrancada da vida, aos trinta e tres anos, por um enfarte fulminante. Ai há tanta ternura e serenidade que custa conter as lágrimas. Por que uma flor foi quebrada quando ainda não acabara de desabrochar? Por que? A resposta não vem de nenhum lugar. Apenas uma fé que crê para além de todas as razoabilidades, sustenta o tormento desta pergunta.

 

         Logo acima, presa ao braço da lâmpada, uma mensagem em alemão que encontrei quando ainda fazia meus estudos no estrangeiro e que me inspira durante toda essa fatigante existência:”Eu passarei uma única vez por esta vida. Se eu puder mostrar alguma gentileza ou proporcionar alguma coisa boa a quem está ao meu lado, então quero fazê-lo já, não quero nem protelá-lo nem negligenciá-lo, pois eu nunca mais passarei novamente por este caminho”. Aqui se diz uma verdade pura, simples e sábia.

 

         Viajo muito por muitos meios e por muitos caminhos. Nunca se está livre de riscos. Quantos não são aqueles que partem e nunca chegam. E ai leio num cartão à minha frente a frase tirada do Salmo 91,11:”Deus ordenou a seus anjos que te protejam, pelos caminhos que tomares”. Não é consolodar poder ler esta mensagem como se tivesse sido escrita diretamente para você, um pouco antes de partir para uma viagem qualquer, sem poder saber se voltará são e salvo ?

 

         Mais consolador é ainda este outro cartão, colocado num vaso cheio de canetas, no qual Deus pelo profeta Isaias me sussurra ao ouvido: ”Não temas; eu te chamei pelo nome; tu és meu”(43,1). Como temer? Já não me pertenço. Pertenço a Alguém maior que conhece meu nome e me chama e me diz: “tu és meu”. A alma serena, as angústias da humana existência se acalmam, apenas ressoa a palavra bem-aventurada: ”tu és meu”.

 

Aqui há algo que antecipa a eternidade quando Deus nos revela nosso verdadeiro nome. Segundo o Apocalipse, somente Deus e a pessoa  conhecem esse nome e ninguém mais. Ai seguramente Deus repetirá: ”tu és meu”; e a pessoa retrucará: “eu sou teu”. Essa comunhão do eu e do tu se prolongará pela eternidade afora, numa fusão sem distância nem limites pelos séculos dos séculos, sem fim.

 

Não serão, por acaso, coisas singelas como essas que orientam nossa vida e nos trazem alguma luz no meio de tanta penumbra e de questões sem  resposta?

 

 Leonardo Boff é autor de Experimentar Deus: a transparência de todas as coisas, Vozes 2011.        

 

 

 

46 comentários sobre “As consoladoras mensagens cotidianas

  1. São mensagens realmente consoladoras. Como é bom meditar sobre elas. Quanta paz elas nos trazem e como nos fazem descansar no Senhor.

    Curtir

  2. Legal!!!
    Mto legal colocar-se em um local onde vc se pergunta e a resposta ñ está evidente ou talvez nunca saberemos a resposta, mas que de algum lugar um cara bacana (DEUS) c/ um gesto simples explica aquilo que inicialmente ñ teria resposta.

    Curtir

  3. “E diz-lhe mais a mágica ciência Que, para se evitar força tamanha, não valerá dos homens resistência, Que contra o Céu não val da gente manha; Mas também diz que a bélica excelência, Nas armas e na paz, da gente estranha Será tal, que será no mundo ouvido O vencedor por glória do vencido”.
    (Lusiadas VII)

    Curtir

  4. Texto inspirador demais para mim que nos últimos dias vivi o luto de alguém que está vivo. Eu também acredito que a vida é curta demais para nos fazermos presentes como dor e angústia na vida de outras pessoas. Essa é a segunda vez que passo pela mesma experiência de ver morrer em vida alguém que admirava e por ela tinha grande respeito. Ambas as experiências foram devastadoras, mas nas duas o Senhor Deus esteve do meu lado me dando forças para suportar tanta decepção. Que pena que a “arte de (con)viver” por vezes nos aparece tão difícil.
    P.S. Como revisora de textos, não escapou aos meus olhos alguns errinhos de digitação. rsrsrsrsrs Perdão, mas não consegui segurar este comentário.

    Curtir

  5. Porque dentro , alem está uma força imbatível – a fé, e com ela nossa redenção , poderia lembrar o “De visone Dei”- de Cusanos… tamanha beleza irradia na sua relação com Deus… Gostei muito da sua página de hoje!

    Curtir

      • Como falastes, é sempre melhor a gentileza, meu caro Boff! Aos que querem um Deus que “aponta o dedo” para desqualificar o outro, o que se pode pedir é a misericórdia de Deus! Lindo texto!

        Curtir

    • The Bat,

      Como vc pode ser tão estupido??? por acaso leu algum livro do Leonardo???

      “com a mesma medida com que medires…sereis também medido” atribuído a um tal Jesus de Nazaré, herege aos olhos de uns tais judeus….pense nisso…

      Curtir

  6. Muitas vezes quando estou sem sono fico recitando o salmo 91 repetidas vezes ate dormir e me sinto muito bem
    E a oração que me enche de esperança e conforto e que gosto muito é:
    DEUS me ama e vela por mim…
    O amor de DEUS enche minha mente,consciente e subconsciente.
    Sei que, afirmando estas verdades, vou expulsar da mente todas as influencia negativas.
    Afirmo tais verdades com plena convicção, sinto cada palavra e o que determino há de se consumar.
    Deus vive em mim.
    Deus fala em mim.
    Deus anda comigo.
    Minha vida é a Vida de Deus e a paz de Deus enche minha mente e coração, o amor curativo de Deus satura todo o meu Ser.
    Sabedoria, verdade e beleza me governam…
    Sou sã, sou feliz, sou serena e a alegria do Senhor é a minha força.
    Onde Deus está não existe o mal.
    Posso fazer todas as coisas através do Poder de Deus, que me fortalece.
    Sei que me torno tudo o que atribuí ao EU SOU.
    Deus vela por mim, estou cercada pelo circulo sagrado do amor eterno de Deus e toda a Couraça de Deus me envolve.
    Sua luz brilha em minha mente…
    Ouço a Verdade, conheço a Verdade..
    Ouço a Voz serena de Deus a me dizer:

    “A PAZ ESTEJA CONVOSCO”

    Curtir

    • Leonardo Profeta autêntico do DEUS Altíssimo. Fale sempre para nós o que o Espírito te revela porque precisamos continuar no bom combate! Quem tem ouvidos para ouvir e olhos para ler, prestem atenção no que diz o Profeta Leonado Boff!

      Curtir

  7. Os mitos e simbolismos são os alicerces dos seus comentários, mas o Sr. nunca diz isso. Percebo que os seus leitores – ou a maioria deles – começam a idolatra-lo ao invés de apenas admira-lo. Isso não o incomoda? Já por duas vezes o Sr. deu respostas agressivas àqueles que de alguma forma o contradizem. Estaria o Sr. se tornando um intelectual arrogante? Quando o Sr. se refere a Deus, está realmente se referindo ao Deus “Bíblico”? Acredito que não, o Sr. não é nenhum ingênuo, e nesse sentido, entendo que o Sr. fala de um Deus mítico, enquanto que os seus leitores entendem que o Sr. está escrevendo sobre o Deus Jesus Cristo. Finalizando, gostaria que o Sr. respondesse com toda sinceridade: O correto é ter FÉ em CRISTO ou procurar ter a mesma fé que ele teve?

    Curtir

  8. Maravilhoso….realmente consolador. Mais consolador é saber que tu…meu grande professor…tbm sofres as angustias e duvidas que afligem a todos nós. Como o senhor mesmo me disse num email…é confiar…nos entregando nos braços amorosos do Pai. As respostas um dia virão.
    Um grande abraço fraterno.

    Curtir

  9. Meu querido amigo,saiba que o querido sai da superficialidade da expressão e enfatiza minha admiração e respeito. Diante de tantas coisas lidas e não digeridas vem você e me faz reacender emoções esquecidas, sou grata

    Curtir

  10. Nossa…a página de hoje foi de fato sensacional. Suas palavras estao aqui…reverberando dentro de mim. Tvz pq hoje o seu depoimento tenho sido mais pessoal. Entramos em comunhao contigo meu querido Frei Leonardo.
    Deus o abençoe.

    Curtir

  11. Eu e.minha filha de 14 anos somos muito leitoras. Eu dos livros e textos do senhor…ela dos livros de Harry Potter e por aí. As vezes ela vê a capa de seus livros e fica curiosa…sempre pergunta o porque disso ou daquilo. Um dia encontramos com o senhor num mercado em Itaipava. Foi emocionante e engraçado. ..pq nao tivemos coragem de falar-lhe. Entao apenas dividimos aquele momento no corredor entre as prateleiras. Achei interessante pensando depois…no quanto é bonito esse carinho e esse respeito…a admiração por quem nos ensina tanto e divide com a gente…através de seus escritos…sua humanidade e seu amor a Deus.
    O senhor faz parte de nossas vidas …e….ja faz parte de nossa pequena familia.
    Abraço.

    Curtir

    • Sandra,
      agradeço as belas palavras. Não tenha receio quando me encontrar de falar comigo. Pareço com o irmão do Papai Noel. E este não mete medo em ninguém como eu tambem.
      Que Deus acompanhe a vc e a sua fiha
      lboff

      Curtir

  12. olá, p4z & b3m!

    irmão Leonardo, sua singeleza e gentileza emociona, conforta e confronta-me… lembrando o bom combate (tanto o do Velho quanto do Novo Testamento).

    ao sentir-me em apuros ou para pedir proteção rezo o Pai Nosso (perdoa minhas dívidas) e logo em seguida http://biblia.gospelmais.com.br/salmos_91:2/

    sinto que me reconecta a um Nível/Sistema (para mim, o Criador) e me dá forças para continuar caminhando…

    []s livr3s,

    Curtir

  13. Muito me fascina…ler assistir e ouvir….L Boff….e me trás certeza…que o longe pode ser lugar que não existe….por que o tudo pode estar dentro de nosso nada…..
    JULIO CESAR DE PETROPOLIS -RJ

    Curtir

  14. Caro Leonardo, posso dizer que tenho alguma proximidade pois comungo de várias ideias suas. Leio e compartilho com meus alunos.
    Obrigada pela sua contribuição, me sinto alimentada também pela fonte que vem de ti.
    Um abraço,
    Magda Dell’Acqua

    Curtir

  15. Amado Leonardo…quando as coisas acontecem e tenho que pensar em como agir, vem-me logo a mente o poeta sevilhano Antônio Machado: “Caminhante não há caminho, o caminho se faz ao andar”….e, então, sigo andando…aprendendo a caminhar…
    Obrigada Leonardo.

    Curtir

  16. Belo texto Leonardo! Me identifiquei muito pois minha escrivaninha e meu quadro de parede é repleto de mensagens que me inspiram ou que me fazem refletir dentro do atribulado cotidiano. Para mim são como lembretes de como vale a pena viver, folhas de diversas cores me ajudando a escrever a história.
    Abraços!

    Curtir

  17. Diante de tanto mistério…. Minha boca se cala, somente sinto, respiro e admiro, o além das estrelas, e o além que esta dentro de mim mesmo. Quanto caminhar de ato e potência, quanto “Ato puro”, cósmico, universal, ÚNICO. “Eu sou realmente seu”.
    Esse mistério é realmente nosso, integrado em cada um de nós. VIVA A SUA MISERICÓRDIA, VIVA O SILÊNCIO, obrigado irmão Leonardo….

    Curtir

  18. Caro Leonardo, com todo respeito de uma pessoa que aprendeu a admirar sua história de vida e trabalho, para mim é impossível não lêr seus artigos semanalmente. Mas hoje quero te dizer que não gosto da imagem do Cristo no calvário, cruscificado. Prefiro acreditar nele como o “Caminheiro”, como aquele que morreu de braços abertos para nos deixar uma mensagem atualíssima. Sim, Cristo é o caminho. Ele é o caminho do amor, medianeiro da mensagem do pai. Não quero pensar na agonia de sua morte, da ignorância daqueles na época. Quero vê-lo como um pai, de braços abertos para abraçar a todos nós, seus filhos, pretos, brancos, ricos, pobres, perdidos no caminho. Ele é o rumo a ser seguido. Aproveito para dizer que adoro seus artigos sobre o PAPA Francisco e que esse artigo tem um tom nostálgico, um tom que nunca ficou evidente nos seus textos.
    ABRAÇO FRATERNO! PATRÍCIA LUCENA ACOSTA

    Curtir

    • Ana Patricia,
      O maravilhoso de Jesus é o fato de que ele assumiu todas as formas da condição humana, a da alegria ao ver os discipulos voltando da missão, a da indignação diante da violação do sagrado do templo, do medo da morte no Horto das Oliveiras e até do desespero na cruz. Ele assumiu tudo o que é nosso. E como diziam os antigos, aquilo que ele não assumiu ele tambem não redimiu. Mas como assumiu tudo é o redentor/libertador universal. Então temos que aceitar o Jesus real,triste e alegre, sangrando sob a tortura e radiante saindo da sepultura para a ressurreição. Creio que o rosto da Sagrada Face é tão impressionante que dificilmente alguém fica indiferente, pois ai está toda a dor humana.
      Mas cada um assume que pode digerir em seu estômago espiritual.
      abraço
      lboff

      Curtir

      • Querido Frei Leonardo…estômago espiritual…só o senhor mesmo.He he…
        Pois olhe que o meu …apesar de compreeder de um lado que o sofrimento de Jesus é exemplo pra nós. ..e nisso eu me amparo pra poder seguir vivendo…De outro lado meu estômago espiritual nao digere em nada o sofrimento. Nem das pessoas…nem mesmo dos animais. Mas se tudo é misterio…é preciso confiar. E eu sigo confiando em Deus.
        Aí entao ouvi hj o Ariano Suassuna recitando uma poesia de outro autor….pensei em deixa-la aqui…pra ilustrar…Quem sabe o autor também se pergunte por que uma flor foi quebrada antes mesmo de desabrochar.

        Leandro Gomes de Barros

        ” Se eu conversasse com Deus
        Iria lhe perguntar:
        Por que é que sofremos tanto
        Quando se chega pra cá?
        Perguntaria também
        Como é que ele é feito
        Que não dorme, que não come
        E assim vive satisfeito.
        Por que é que ele não fez
        A gente do mesmo jeito?
        Por que existem uns felizes
        E outros que sofrem tanto?
        Nascemos do mesmo jeito,
        Vivemos no mesmo canto.
        Quem foi temperar o choro
        E acabou salgando o pranto?

        *só podemos é confiar e nos render ao Mistério.

        Abraço grande

        Curtir

      • Leonardo,

        Concordo com a Ana no que tange ao nostalgico, e por este eu entendo e me senti tocado pela retomada da religiosidade primária, “tu és meu”, salmo 91, etc, etc…mas oque mexe é saber que como perdemos isso em meio aos livros e altas teorias…só pode entender isso quem fez o caminho…e já percebeu que são pouquissimas as coisas realmente essenciais…

        Parabéns por conseguir retomar essa simplicidade, esse caminho do essencial, reze pra que um dia chegue lá…

        Quanto ao cristo cujo rosto aparece desfigurado, não me espanta…ele etá assim mesmo…ainda hoje….

        Acrescentaria apenas ao seu comentário as lágrimas pela morte de lazaro…risos e lágrimas em betania….

        abraços.

        Curtir

  19. Frei, gostaria de passar-lhe alguns pensamentos de um livro que em 2009 consegui comprar num Sebo de um bairro de São Paulo, que para mim foi um presente do Céu: Meditações do Padre José – MIL RAZÕES PARA VIVER – escrito por Dom Hélder-exemplar 119 de 1978. Como ele é um livro de mensagens para os simples e o assunto aqui é esse, gostaria de deixar-lhe alguns deles:
    MUDARIA A FACE DA TERRA
    Quando me falam
    do medo de comparecer diante de Deus,
    fico pensando:
    diante d’Ele
    vivemos todos nós,
    tudo e todos,
    dia e noite,
    caminhamos dentro de Deus.

    CEGUEIRA
    Abandonado e só?
    Não percebes
    que sobre ti se debruça
    o Amor Infinito de Deus?

    VEM, SENHOR, VEM
    Não Te peço a vinda à terra
    — onde chegas em cada Missa,
    onde estás em cada Sacrário,
    onde vives em cada Pobre…
    Não Te peço a vinda a mim
    pois desde o batismo
    somos um.
    A vinda que Te peço hoje
    é a Tua vinda
    à tona de meus olhos,
    de meus ouvidos,
    de meus lábios,
    de minhas mãos…
    Vê através de mim.
    Escuta comigo,
    fala pelos meus lábios.
    Age por minhas mãos.

    Curtir

  20. Ler seus textos é sempre um prazer enriquecedor. Meu respeito e admiração. Muito obrigada e Deus o ilumine sempre.

    Curtir

  21. É difícil ler Leonardo Boff pela manhã, porque fico embriagada pelas suas mensagens e me esqueço do trabalho. Porém meu dia fica mais leve…

    Curtir

    • Luzia
      Sua palavras dão razão para que continue na linha que sempre tomeri e que agora pelo blog posso me relacionar com mais gente. Não esqueça suas obrgações. Que elas lhes sejam leves.
      Com carinho
      lboff

      Curtir

  22. Querido,
    Esta semana ,eu estava muito triste,com problemas sérios na família e acabei de sair com dor de um relacionamento.
    Então a depressão voltou a me arrasar,quando eu pensava que a havia vencido,depois d e uma cirurgia que me alivio muito as dores de uma fibromialgia .
    A mãe do meu genro que é de outra religião cristã,havia estado em minha casa e pegado a nossa Bíblia,que ficou com a fita na página que ela havia lido,ou que estava já marcada,não sei.Então me veio aquela vontade urgente de pedir luz e olhei para a Bíblia,fui ler:Estava aberta em Reis ,Quando Elias estava pedindo a Deus que o levasse e ele mandou alguém lhe dizer que levantasse e comesse pois era grande a missão reservada para ele,algo assim,leio a Bíblia sempre,mas não consigo decorar capítulos e versículos,sou ruim em decorar números. Sei que é essa a história de Elias e a minha.Pois levantei,tomei um banho e fui á rua resolver algumas coisas.
    Lá,me senti mal novamente e voltei para casa pedindo de novo a Deus orientações.Minha caixa de costura estava ao lado e de repente caiu e quando fui catar o conteúdo,achei um cartão com o meu nome em diminuitivo,que uma amiga também de outra religião ,me dera há algum tempo e li :”O senhor te abençoe e guarde: senhor faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti. O senhor sobre ti levante e te dê a paz!”Número 6:24 a 26.Foi um milagre tão grande que me enchi de emoção e força.
    Esses milagres sempre aconteceram em minha vida de mãe de três filhos,separada,professora,católica,mas aberta sobretudo a Deus ,que está acima de todas as religiões.
    Como professora da Língua Portuguesa,tenho sempre dito que para mim,Deus não é abstrato,é concreto,pois sempre se coloca na vida dos que nele acreditam de uma forma tão presente e cotidiana, (e creio que na vida dos outros também,pagãos,ateus,só que eles não podem ver,pois Deus nunca desprezou ninguém.)
    Sua piedade é infinita e a de maria ,mãe ,tão divina e tão humana,
    Ah,amigo,a fé é o que pode sustenta rnsoso mundo,não fé num pastor de uma religião qualquer,ou fé num deus particular,que é só seu e condena os outros com o dedo apontado.
    Fé num Deus pai, piedoso e justo,que cuida da terra,dos animais e tudo o que há.
    Fé no Deus vivo.
    Eu estou a cada dia melhor,e Deus muitas vezes me mandou levantar e comer e pentear o cabelo e me arrumar,como mulher,como mãe,como professora,como gente e só por isso estou viva,apesar de tudo e com muita coragem para lutar.
    Obrigada por muita s palavras que já disse,pelos atos,pela coragem,sempre acompanhei sua história e já sofri com você,irmão querido!
    Com a autoridade:de avó de um menino lindo de dois anos,poso lhe dizer :
    Deus lhe abençoe muito.te amo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s